Consumidores norte-americanos estão mais confiantes

A confiança dos consumidores na economia dos Estados Unidos experimentou em agosto uma melhora que não estava prevista pelos analistas, informou hoje o grupo de estudos econômicos The Conference Board.O índice de confiança subiu em agosto para 105,6 pontos, dos 103,6 pontos de junho, devido fundamentalmente às melhores condições do mercado de trabalho, segundo fontes deste centro de estudo.Os analistas não só não esperavam esta alta, mas achavam que este indicador retrocederia para 101,5 pontos por causa dos altos custos da energia.Por sua vez, em agosto subiu também o índice de confiança na situação presente da economia dos EUA, de 119,3 pontos para 123,6 pontos, o que representa o nível mais alto desde setembro de 2001.Para elaborar o índice, o Conference Board realiza pesquisa junto a 5.000 lares americanos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.