Consumo das famílias cai 3,7%; indústria cresce 2,7%

No terceiro trimestre do ano, o consumo das famílias brasileiras manteve a trajetória de quedas consecutivas iniciada no terceiro trimestre de 2001. O IBGE informou que o consumo das famílias - que representa um dos principais dados relativos à demanda doméstica - caiu 3,7% no terceiro trimestre ante igual período de 2002 e registra queda acumulada de 4,2% neste ano. Entre os componentes do PIB, a indústria apresentou no terceiro trimestre o primeiro crescimento (2,7%) ante trimestre imediatamente anterior, após dois trimestres seguidos de retração nessa base de comparação. Também por essa base, os serviços cresceram 0,1% e a agropecuária caiu 6,7%. Na comparação com o terceiro trimestre do ano passado, foram registrados os seguintes desempenhos: indústria (-1,6%); agropecuária (-2,8%) e serviços (-0,8%). Leia também: PIB brasileiro cresce 0,4% no terceiro trimestre

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.