finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Consumo de café no País deve crescer 5,5% este ano

A Associação Brasileira da Indústria do Café (Abic) espera fechar 2007 com um crescimento de 5,5% no consumo de café no Brasil. O diretor-executivo da entidade, Nathan Herszkowicz, estima que o brasileiro consumirá este ano 17,3 milhões de sacas de café. Segundo ele, esse volume é maior que o consumo em todos os países produtores de café juntos, como Colômbia, Vietnã e Indonésia."O Brasil é o grande líder do aumento do consumo mundial. Metade do crescimento mundial por ano sai do Brasil. Portanto, os esforços que nós estamos produzindo aqui são para manter esta taxa de crescimento que é recorde no mundo", disse Herszkowicz. Segundo ele, a média mundial cresce 1,5% ao ano. "O Brasil é o segundo maior mercado consumidor de café do mundo. E isso é uma grande alavanca para todo o agronegócio", disse o diretor da Abic. Para ele, o aumento do consumo de café no Brasil é resultado da melhora da qualidade do produto e pelo grande número de campanhas educativas.A Abic e o Ministério da Agricultura estão promovendo a exposição itinerante "Cafés do Brasil" para divulgar informações desde a lavoura até o consumo. A exposição já passou por 13 cidades brasileiras e foi inaugurada hoje pelo ministro da Agricultura, Reinhold Stephanes, na sede do ministério, em Brasília. Os visitantes podem conhecer, por exemplo, o preparo correto da bebida em vários equipamentos, desde o coador de pano caseiro a cafeteiras mais sofisticadas.O ministro destacou que o Brasil reassumiu a liderança no mercado mundial de café e se firma cada vez mais neste mercado. Ele estima que nos próximos anos o Brasil exportará entre 40% e 50% do que o mercado mundial consome.

RENATA VERÍSSIMO, Agencia Estado

26 de novembro de 2007 | 12h26

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.