R$ 1,57 bi

E-Investidor: Tesouro Direto atrai mais jovens e bate recorde de captação

Contas externas dos EUA têm menor déficit desde 2003

O déficit em conta corrente dos Estados Unidos, dado referente ao saldo de todas as transações do país com o exterior, caiu para US$ 132,8 bilhões no quarto trimestre do ano passado, dos US$ 181,3 bilhões registrados no trimestre imediatamente anterior, informou hoje o Departamento de Comércio norte-americano. O resultado correspondeu a 3,7% do Produto Interno Bruto (PIB) e ficou aquém dos US$ 137,1 bilhões esperados pelos analistas. Foi também o menor déficit desde o do quarto trimestre de 2003.

MARCÍLIO SOUZA, Agencia Estado

18 de março de 2009 | 10h19

O resultado inicialmente divulgado para o terceiro trimestre havia sido de déficit de US$ 174,1 bilhões. Em todo o ano de 2008, o déficit em conta corrente dos EUA somou US$ 673,3 bilhões, abaixo dos US$ 731,2 bilhões de 2007.

No período entre outubro e dezembro de 2008, o déficit em bens e serviços somou US$ 140,4 bilhões e as transferências unilaterais correntes ficaram deficitárias em US$ 28,9 bilhões, mas a conta rendas veio superavitária em US$ 36,5 bilhões.

Os estrangeiros compraram, em termos líquidos, US$ 89,5 bilhões em títulos do Tesouro norte-americano (Treasuries) no quarto trimestre e venderam US$ 3,7 bilhões em bônus corporativos e US$ 3,6 bilhões em ações. O investimento estrangeiro direto nos EUA aumentou US$ 80,6 bilhões no quarto trimestre, depois de subir US$ 57,3 bilhões no terceiro. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
EUAcontas externas

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.