finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Copom: ata prevê manutenção dos juros nos EUA

De acordo com a ata da última reunião do Comitê de Política Monetária (Copom), divulgada há pouco, que decidiu por uma elevação da taxa básica de juros (Selic) de 16,25% para 16,75% ao ano, os juros norte-americanos devem permanecer no atual nível de 4% ao ano até o final de 2002. No cenário externo, os diretores do Banco Central (BC) consideram que a elevação recente do prêmio de risco Brasil tende a manter-se estável nos próximos trimestres. "Essa hipótese equivale a um descolamento para cima da curva de risco Brasil quando se compara com a trajetória projetada na última reunião", afirmam os diretores. A ata ressalta ainda que o choque de energia elétrica foi modelado inicialmente como um choque típico de oferta, que reduz a taxa de crescimento e pressiona os preços. Os diretores do BC ressaltam, entretanto, que o choque é temporário e seus efeitos serão revertidos em 2002.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.