Copom define hoje taxa Selic

Termina hoje a segunda etapa da reunião mensal do Comitê de Política Monetária (Copom) que reavalia a taxa básica de juros da economia, a Selic, atualmente em 16% ao ano. Segundo pesquisa semanal realizada pelo Banco Central com instituições financeiras e empresas de consultoria, que foi divulgada na segunda-feira, as apostas de curto prazo estão todas na direção da manutenção do juro básico neste mês e em agosto. Para o final do ano, as instituições acreditam que a Selic poderá recuar para 15,25% ao ano, o que embute uma expectativa de corte de apenas 0,75 ponto porcentual entre as reuniões do Copom de setembro e dezembro. Para 2005, a expectativa em relação ao juro é um pouco mais pessimista do que no levantamento anterior. As instituições apostam que a Selic fechará o próximo ano em 14%ao ano, e não mais em 13,75% ao ano.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.