R$ 1,57 bi

E-Investidor: Tesouro Direto atrai mais jovens e bate recorde de captação

Coreia do Sul mantém juros em 2%

Decisão tem como objetivo fazer frente à inflação e à instabilidade da moeda local

Efe,

12 de março de 2009 | 02h09

O Banco da Coreia do Sul (central) anunciou nesta quinta-feira, 12, que manterá a taxa básica de juros em 2%, assim como em fevereiro, após ter feito cortes em seis meses seguidos. De olho nos sintomas da crise econômica Dicionário da crise Lições de 29Como o mundo reage à crise  Segundo a agência de notícias local Yonhap, a decisão de manter os juros tem o propósito de fazer frente à inflação e à instabilidade da moeda local, o won. Um porta-voz do banco central sul-coreano, citado pela Yonhap, disse que não se descarta um corte nos juros na próxima reunião da entidade, em abril.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.