Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Coreia do Sul prepara nova medida para conter alta do won

A Coreia do Sul, que está preparando medidas para limitar a entrada de fluxos de capital potencialmente desestabilizadores no país, vai anunciar uma tarifa bancária no domingo, segundo fontes do Ministério de Estratégia e Finanças do país.

, O Estado de S.Paulo

16 de dezembro de 2010 | 00h00

Alguns detalhes sobre a tarifa bancária ainda precisam ser finalizados, mas, inicialmente, o governo planeja impor a taxa sobre dívida estrangeira de curto e longo prazos e os bancos provavelmente terão de pagá-la em moeda estrangeira, de acordo com as fontes.

Nas próximas semanas, o governo sul-coreano também deverá retomar um imposto sobre compras de bônus do país por estrangeiros e impor mais limites às posições futuras em câmbio dos bancos.

Como as economias asiáticas estão atuando como motor da recuperação global, um grande volume de capital vem sendo direcionado para a região, em vez de ir para Estados Unidos e Europa, onde as taxas de juros estão muito baixas.

Seul tem alertado há meses que vai impor limites para combater o que as autoridades consideram níveis não saudáveis de dinheiro especulativo que entra no país, provocando forte valorização da moeda local, o won, o que prejudica suas exportações e deteriora a balança comercial. / DOW JONES NEWSWIRES

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.