Correção

A Hewlett-Packard esclarece que, diferente do publicado ontem, as 24,6 mil demissões ocorrerão devido a uma reestruturação após fusão com a empresa EDS.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.