Correção: Barclays anuncia lucro menor no 1º trimestre

A nota enviada às 5h27 contém um erro. "Varley reiterou as metas do grupo até 2011", e não até 2001. O chefe executivo do banco Barclays, John Varley, disse nesta quinta-feira que o lucro líquido do banco no primeiro trimestre de 2008 foi menor que o registrado no mesmo período do ano passado, por causa das difíceis condições do mercado.Os lucros no varejo global e no banco comercial, nos primeiros três meses do ano, ficaram à frente dos resultados de 2007, mas os ganhos do Barclays Capital e do Barclays Global Investors ficaram "bem abaixo" dos resultados do ano anterior, disse o executivo, em relatório preparado para a reunião geral anual da instituição."O lucro do grupo antes de taxas, em janeiro e fevereiro, ficou em linha com a taxa mensal de 2007", afirmou Varley, sem divulgar números. "Nós fomos lucrativos em março também, mas as condições do mercado foram difíceis, fazendo com que lucro do grupo no primeiro trimestre ficasse abaixo do registrado no mesmo período do ano passado. Mas eu acredito que a mesma elasticidade da performance financeira que nós vimos em 2007 será observada de novo em nossos resultados do primeiro trimestre de 2008", disse Varley. O lucro total do banco, que é o terceiro maior do Reino Unido por capitalização de mercado, caiu 3,4% em 2007 em relação ao ano anterior. O Barclays registrou 1,6 bilhões de libras (US$ 3,18 bilhões) em baixas contábeis por causa da crise do crédito subprime nos Estados Unidos, e não descartou futuras perdas.Varley reiterou as metas do grupo até 2011. Segundo o executivo, o Barclays ainda espera registrar um aumento do lucro acumulado de 9,3 bilhões de libras para 10,6 bilhões, significando um crescimento anual composto entre 5% a 10%. "Ninguém está dizendo que o ambiente em 2008 é positivo. Mas eu estou quase satisfeito com o caminho pelo qual nós começamos o ano", destacou. As informações são da Dow Jones

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.