Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Corrige: Otimismo leva 78% das empresas a contratar

A nota enviada anteriormente contém uma incorreção. A Fecomercio-SP corrigiu hoje à tarde uma informação divulgada nesta manhã. O porcentual de empresários que disseram estar com estoques inadequados foi de 30%, e não de 20,26%. Segue o texto corrigido:

AE, Agencia Estado

13 de dezembro de 2011 | 19h49

O Índice de Confiança do Empresário do Comércio (Icec), divulgado hoje pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (Fecomercio-SP), mostra que em novembro 77,99% dos entrevistados afirmavam que iriam aumentar o quadro de funcionários para as vendas de fim de ano. O resultado, de acordo com a entidade, reforçou a avaliação de que as vendas deste Natal serão ainda melhores que as do mesmo período de 2010.

O Icec registrou em novembro aumento de 1,4% e atingiu 126,3 pontos em uma escala que varia de 0 a 200 pontos - com a marca dos 100 pontos dividindo o humor dos empresários entre otimista e pessimista.

As condições atuais da economia melhoraram na opinião de 56,19% dos entrevistados em novembro. A maioria acredita em aquecimento da economia nos próximos meses - 47,23% esperam uma melhora suave e 36,72%, um avanço muito expressivo.

Apesar do otimismo, 30% dos empresários afirmam estar com estoque um pouco acima do ideal e 67,32%, muito acima do ideal. Esses números, de acordo com a Fecomercio-SP, indicam que, depois de um Natal aquecido, 2012 deve chegar com ofertas e queimas de estoque.

Tudo o que sabemos sobre:
NatalcontrataçõesFecomercio-SP

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.