Corujas iguais às de Harry Potter ameaçam aviões em Nova York

Corujas das neves migraram com maior intensidade para fugir do inverno do Alasca e Canadá e são abatidas a tiros de espingarda no aeoporto JFK

Economia & Negócios,

09 de dezembro de 2013 | 16h12

NOVA YORK - Corujas brancas iguais ao do personagem Harry Potter estão sendo abatidas no aeroporto JFK, em Nova York, por colocarem em risco as operações de aterrissagem e decolagem em um dos mais importante aeroportos do mundo.

As corujas das neves que ameaçam os aviões são da mesma espécie que a coruja Edwiges, animal de estimação do bruxo Harry Potter na série criada pela escritora J.K. Rowling.

As criaturas do Ártico estão na linha de fogo, depois de terem migrado para o Sul durante o inverno do Hemisfério Norte para montar acampamento nas imediações do aeroporto.

Funcionários do setor de segurança do aeroporto informaram que uma coruja foi sugada por uma turbina de um avião a jato, segundo informou o jornal Daily News.

Os seguranças foram acionados para montar guarda e abater as aves a tiros. Três corujas foram executadas no fim de semana, segundo o jornal.

Espingardas. Os responsáveis por abater as aves são 'especialistas em vida selvagem' armados com espingardas.

As corujas brancas passam a maior parte do seu tempo no frio das tundras do Ártico, no Alasca e no Canadá.

Mas, nos últimos anos, elas passaram a migrar com mais frequência para os Estados Unidos.

Milhares de aves brancas foram vistas em vários estados, nas fazendas em Idaho, telhados de Montana, campos de golfe no Missouri e na orla costeira em Massachusetts.

Especialistas em vida selvagem dizem que o fenômeno provavelmente deve-se à abundância de roedores que são a principal fonte de alimentação das aves.

Isso levou a um boom populacional da coruja com até sete filhotes por ninho, muito maior que a média de dois filhotes como normalmente acontece.

Defensores dos pássaros criticaram a Autoridade Portuária de Nova York pela estratégia de abater as aves a tiros de espingarda. Eles questionam se o abate é realmente necessário.

Tudo o que sabemos sobre:
harry pottercoruja

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.