Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Countrywide corta 900 empregos em divisões de hipotecas

A Countrywide Financial, a maiorempresa de financiamento imobiliário dos Estados Unidos,informou que vai cortar 900 funcionários no país,principalmente nas divisões de produção de hipotecas. A decisão acontece após uma rodada anterior de cortesanunciada no mês passado, quando a financeira afastou um númeronão informado de funcionários de uma unidade voltada àconcessão de empréstimos a clientes com pouca ou nenhumadocumentação. Os últimos cortes representam cerca de 1,5 por cento daforça de trabalho da companhia, que conta com aproximadamente60 mil funcionários, segundo números mais recentes. "Qualquer mudança futura na organização da Countrywide irárefletir nossa estratégia atual de alinhar nossos negócios aomercado", declarou a empresa, em comunicado. A Countrywide enfrentou uma falta de crédito em agosto porconta do aumento de calotes no pagamento de hipotecas e apertonos mercados de capital. Em 16 de agosto, a empresa anunciou demaneira inesperada que utilizou toda uma linha de crédito de11,5 bilhões de dólares devido a problemas da companhia emvender dívidas de curto prazo. O presidente-executivo da Countrywide, Angelo Mozilo,afirmou que o declínio do mercado de moradias este ano podecolocar os EUA numa recessão, mas que empresa vai sobreviver.

REUTERS

06 de setembro de 2007 | 10h49

Tudo o que sabemos sobre:
CREDITOCOUNTRYWIDEDEMISSAO

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.