coluna

Louise Barsi explica como viver de dividendos seguindo o Jeito Barsi de investir

Coutinho: BNDES reduzirá sua participação no crédito

O presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Social e Econômico (BNDES), Luciano Coutinho, afirmou nesta terça-feira, 25, que o órgão irá reduzir naturalmente sua participação no crédito com o avanço de instituições privadas, especialmente na área de infraestrutura. "A participação do BNDES no crédito tende a se tornar um pouco menor à medida que a participação privada vir a ocorrer", disse.

NIVALDO SOUZA, Agencia Estado

25 de março de 2014 | 14h09

Segundo ele, o BNDES se estrutura para reduzir neste ano a necessidade de recursos corrigidos pela Taxa de Juros de Longo Prazo (TJLP), hoje em 5% ao ano, abrindo mais espaço para o aumento do capital privado. "A principal linha de atuação do banco neste ano é buscar sustentar um volume de recursos de investimentos sem que isso represente pressões sobre a política fiscal", afirmou.

Coutinho participa de audiência de pública conjunta nas comissões de Assuntos Econômicos (CAE) e de Relações Exteriores e Defesa Nacional (CRE) do Senado Federal. O debate é sobre financiamentos do BNDES a projetos de infraestrutura no exterior - em especial nos setores rodoviário, aeroportuário, hidroviário e de logística.

Importação de serviços

O aumento do total de serviços de engenharia importados pelo Brasil entre 2012 e 2013 foi apontado como natural por Coutinho. "Não estamos financiando gastos locais no exterior. Estamos financiando indústrias e serviços no País, que são exportados", afirmou. Coutinho apresentou dados segundo os quais o País aparece elevando a importação desses serviços, de US$ 4,7 bilhões em 2012 para US$ 5 bilhões, em 2013.

Na direção oposta, a exportação desse tipo de serviço caiu de cerca de US$ 9 bilhões para US$ 8,2 bilhões. "Não há remessa de divisas para fazer apoio de um projeto em um país estrangeiro. O BNDES libera recursos em reais ao exportador brasileiro, que compra produtos e serviços no Brasil", disse.

Tudo o que sabemos sobre:
coutinhoBNDEScrédito

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.