CPFL atenderá a 5.500 propriedades rurais até julho de 2005

A CPFL Energia pretende atender, até julho de 2005, a cerca de 5.500 propriedades rurais das área de concessão das distribuidoras CPFL Paulista e CPFL Piratininga. A expansão das redes de distribuição das duas companhias deverá demandar investimentos de R$ 19 milhões, segundo nota distribuída pela CPFL Energia. Os investimentos são parte do programa Luz para Todos, do governo federal, que pretende antecipar metas de universalização do fornecimento de energia elétrica no País.Segundo a companhia, já estão implantados canteiros de obras em 45 municípios atendidos pelas distribuidoras. A ligação será gratuita para os consumidores rurais abrangidos pelo programa - com construção no local, atendidos em baixa tensão, com carga instalada inferior à potência de 50 quilowatts (kW).O programa Luz para Todos tem o objetivo de antecipar para 2008 a meta de universalização do fornecimento de energia elétrica no País, anteriormente estabelecida para 2015. A expectativa do Ministério de Minas e Energia é incluir, até esse novo prazo, cerca de 12 milhões de pessoas nas malhas de distribuição de energia do País.O programa, que deverá ser implementado por meio de parcerias com os governos estaduais e as distribuidoras, deverá demandar investimentos de cerca de R$ 7 bilhões. Desse total, cerca de R$ 5,3 bilhões serão bancados com recursos federais, que serão proporcionados pelos encargos setoriais Conta de Desenvolvimento Energético (CDE) e Reserva Global de Reversão (RGR). O restante será responsabilidade dos governos estaduais e das distribuidoras.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.