Coluna

Thiago de Aragão: China traça 6 estratégias para pós-covid que afetam EUA e Brasil

Crédito do Fed no redesconto é o maior em 16 meses

Os bancos americanos elevaram os empréstimos tomados na janela de redesconto do Federal Reserve (Fed, o banco central americano) na semana encerrada quarta-feira para US$ 2,3 bilhões. O total dessa semana foi o mais alto desde 12 de abril de 2006, quando US$ 3,6 bilhões em empréstimos foram feitos pela janela de redesconto.O Fed divide os empréstimos da janela de redesconto em três categorias: primário, secundário e sazonal. O primário é concedido a bancos que tem o que o Fed chama de ''''condição financeira geralmente saudável''''.O crédito secundário é usado para necessidades de liquidez de curto prazo ou para as instituições que enfrentam problemas severos. O sazonal é utilizado por bancos em áreas agrícolas ou resorts.

Dow Jones Newswires, O Estadao de S.Paulo

07 de agosto de 2024 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.