Crédito imobiliário cai em maio; Abecip vê reação no 2o semestre

Os empréstimos para compra de imóveis no País somaram 6,3 bilhões de reais em maio, queda de 11 por cento na comparação com o de igual período de 2011, informou nesta sexta-feira a Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança (Abecip).

Reuters

29 de junho de 2012 | 15h34

A pesquisa, que contempla os recursos da poupança (SBPE), apontou também que os resultados do mês passado representaram crescimento de 10 por cento na comparação com abril.

No período de 12 meses terminado em maio, o montante de financiamento liberado, de 80,3 bilhões de reais, foi 20 por cento a mais que nos 12 meses anteriores.

Da janeiro a maio, os financiamentos no setor atingiram 29,6 bilhões de reais, um aumento de 1,4 por cento ante o mesmo período de 2011.

Nos espaço de 12 meses, foram financiados 475,4 mil imóveis, volume 2,3 por cento maior que nos 12 meses precedentes. Nos primeiros cinco meses do ano foram financiadas 172,5 mil unidades, nove por cento menos que em igual etapa de 2011.

Em maio, os 34,8 mil imóveis financiados representaram queda anual de 24 por cento, mas alta de 7 por cento ante abril.

Para a Abecip, a retomada em ritmo mais forte deve acontecer no segundo semestre.

(Por Aluisio Alves)

Tudo o que sabemos sobre:
CONSTRUCAOABECIPMAIO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.