Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Crédito imobiliário deve chegar a R$ 30 bilhões em 2009

O crédito imobiliário com recursos da caderneta de poupança deve chegar a, no mínimo, R$ 30 bilhões este ano, afirmou hoje o presidente da Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança (Abecip), Luiz Antonio França. A projeção representa estabilidade em relação aos R$ 30,032 bilhões financiados com recursos da poupança no ano passado.

CHIARA QUINTÃO, Agencia Estado

10 de agosto de 2009 | 10h34

"Nossa expectativa é conservadora", disse França, acrescentando que a perspectiva é que os financiamentos do segundo semestre fiquem em nível semelhante aos R$ 17 bilhões da segunda metade do ano passado. O número de unidades financiadas deve superar 300 mil, ante as 299.685 unidades de 2008.

Segundo o representante da Abecip, a estimativa para 2009 só está sendo divulgada agora porque "no primeiro semestre era muito difícil fazer projeções". Conforme França, se incluídos os R$ 15 bilhões previstos no orçamento do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), o crédito imobiliário chegará a pelo menos R$ 45 bilhões este ano. Em 2008, incluindo R$ 10 bilhões do FGTS, foram concedidos R$ 40 bilhões em financiamento imobiliário.

Tudo o que sabemos sobre:
Abecipimóveiscréditopoupança

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.