finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Cresce a confiança do consumidor brasileiro

A Associação Comercial de São Paulo informa que o Índice Nacional de Confiança (INC) do Consumidor subiu para 130 pontos em outubro, ante 127 em setembro. Mas continua abaixo dos 144 de outubro de 2006. O consumidor também acha bom o atual período para comprar bens de maior valor: 35% disseram "estar muito mais à vontade para comprar" e 32% estão favoráveis.

O Estadao de S.Paulo

10 de novembro de 2007 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.