Cresce interesse por imóvel como investimento

O interesse na compra de imóveis a título de investimento cresceu significativamente neste período pré-eleitoral. Um levantamento do Sindicato da Habitação de São Paulo (Secovi-SP), intitulado "Comportamento do Mercado de Imóveis para Renda ou Investimento na Cidade de São Paulo", ouviu 140 imobiliárias, sendo que 78% delas informaram que o número de clientes interessados em comprar ativos para alugar aumentou nos últimos três meses. O maior interesse foi detectado por imóveis residenciais (58% dos entrevistados), principalmente de dois quartos. Outros 17% estavam atrás de imóveis comerciais e 25% apontaram interesse por imóveis mistos. A pesquisa detectou ainda um aumento no número de unidades para locação. Dentre os compradores, há preferência pela compra de imóveis que já estejam ocupados por inquilinos. A incerteza com o cenário político, a idéia de que imóveis são um bom investimento e o receio de colocar o dinheiro em outras aplicações financeiras são os motivos que estão levando os paulistanos a cogitar a compra desses ativos.

Agencia Estado,

10 de setembro de 2002 | 13h09

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.