Cresce número de famílias endividadas, diz CNC

Número de famílias endividadas subiu para 57,3% em junho ante maio, mas é inferior ao nível de um ano atrás (64,1%)

Vinicius Neder, da Agência Estado,

27 de junho de 2012 | 10h48

RIO DE JANEIRO - O número de famílias que estão endividadas aumentou no mês de junho na comparação com maio, segundo a Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor (PEIC), divulgada nesta quarta-feira pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC). O porcentual de famílias com dívidas neste mês foi de 57,3%, contra 55,9% no mês passado.

O nível de endividamento das famílias, no entanto, é inferior ao observado no ano passado. Em junho de 2011, 64,1% dos entrevistados disseram estar endividados. A inadimplência, por sua vez, registrou leve recuo após quatro altas seguidas: 23,2% das famílias informaram ter dívidas e contas em atraso em junho deste ano, ante 23,6% em maio. Em junho de 2011, eram 23,3%.

Entre os tipos de dívida, o destaque é o cartão de crédito, apontado por 74,8% das famílias. Em seguida vêm os carnês (19,7%), e o crédito pessoal (10,4%).

Tudo o que sabemos sobre:
famílias dívidasCNC

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.