carteira

As ações mais recomendadas para dezembro, segundo 10 corretoras

Cresce o número de trabalhadores estrangeiros no Brasil

Nem mesmo a perspectiva de um crescimento econômico menor foi suficiente para diminuir o interesse de estrangeiros em trabalhar no Brasil. Somente no primeiro trimestre deste ano, 9.961 imigrantes receberam autorização para atuarem no mercado de trabalho doméstico - o maior número para o período desde 2004. Segundo dados da Coordenação Geral de Imigração, ligada ao Ministério do Trabalho e Emprego, a quantidade de autorizações liberadas no primeiro trimestre foi 4,63% - superior ao apurado nos três primeiros meses de 2008. Mesmo com a disparada das concessões nos dois últimos meses de 2008, quando foram liberados 12.918 pedidos, o aumento das autorizações liberadas está relacionado ao crescimento econômico do país nos últimos anos e não ao agravamento da crise econômica mundial a partir de setembro. Com a economia em expansão, as empresas brasileiras elevaram os investimentos para a compra de equipamentos e tecnologia no exterior, estimulando a maior presença, por exemplo, de trabalhadores para assistência técnica. Além disso, as companhias estrangeiras estão trazendo profissionais especializados de fora, que normalmente de alta qualificação e ficam no país por um período determinado. No primeiro trimestre, a Coordenação Geral de Imigração autorizou a entrada de 665 trabalhadores permanentes e 9.276 temporários. A avaliação do governo é de que a entrada desses estrangeiros não impacta negativamente o mercado.

Edna Simão, BRASÍLIA, O Estadao de S.Paulo

17 de agosto de 2009 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.