carteira

As ações mais recomendadas para dezembro, segundo 10 corretoras

Cresce percepção externa sobre a violência no Brasil

Em pesquisa feita com agentes internacionais, a violência é o único item enquadrado na categoria 'pessimista e desfavorável'; os outros 15 temas abordados foram considerados favoráveis

Eduardo Cucolo, da Agência Estado,

27 de março de 2012 | 12h04

Houve melhora na avaliação de agentes internacionais em relação ao Brasil nas áreas econômico, política e social, de acordo com a sexta edição do "Monitor da Percepção Internacional do Brasil", divulgada nesta terça-feira pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea).

Dos 16 temas levantados pela pesquisa, 15 apresentaram resultados mais favoráveis. A exceção foi a resposta à pergunta relacionada à violência nos últimos 12 meses, que aumentou para a maioria dos entrevistados. Este é também o quesito com a pior avaliação sobre o País (35 pontos negativos, em uma escala de cem pontos positivos a cem pontos negativos) e o único enquadrado dentro do considerado "pessimista e desfavorável".

Na média, as percepções sobre os ambientes econômico e político estão dentro do nível classificado como "moderadamente favorável" pelo Ipea. Na área social, o resultado é considerado "neutro": apesar da avaliação positiva sobre queda na desigualdade e redução da pobreza, pesa na conta o indicador negativo em relação à violência.

O instituto consultou 176 entidades (embaixadas, câmaras de comércio, empresas com controle estrangeiro e organizações internacionais com representação no Brasil), entre os dias 21 de fevereiro a 12 de março.

Tudo o que sabemos sobre:
IEDIpeaviolência

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.