Crescimento acelerado
Conteúdo Estadão Blue Studio

Crescimento acelerado

As escolhas das empresas com expansão acima da média

Estadão Blue Studio, O Estado de S.Paulo

24 de outubro de 2021 | 07h30

O termo gestão exponencial é uma realidade. Costuma ser usado para diferenciar empresas que possuem expansão muito superior à média do mercado. O ritmo da decolagem também importa. Ele tem de ser rápido, como um foguete.

O outro lado da moeda, entretanto, também existe. Há muita gente usando o termo sem critério, com base muito mais no marketing vazio do que alicerçado em números e resultados consistentes para ser mostrados.

Para separar o joio do trigo, então, é importante saber quais os principais caminhos que as empresas com um crescimento realmente exponencial estão tomando. Um deles, que parece ser unânime, é o do investimento maciço em tecnologia. Mas, claro, dentro de critérios bem definidos e, principalmente, atrelados ao capital humano presente no grupo.

Quem aposta que o crescimento acelerado em um curto espaço de tempo é apenas um modismo talvez precise rever esse ponto de vista. A visão inovadora, mesmo entre as companhias ainda mais tradicionais, terá sempre espaço. Não existe mais volta.

Além dos próprios empreendedores, as novas nuances do mundo corporativo estão totalmente atreladas ao cenário dos investimentos. Afinal, quando passa a ser interessante a pessoa física aportar uma parte do capital em uma startup? Será que a taxa de retorno e o risco são convidativos?

Conteúdo produzido pelo estadão blue studio, a área de conteúdo customizado do estadão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.