Coluna

Thiago de Aragão: China traça 6 estratégias para pós-covid que afetam EUA e Brasil

Crescimento do setor de serviços nos EUA é o mais lento desde fevereiro, mostra PMI

O setor de serviços dos Estados Unidos expandiu em dezembro com a taxa mais lenta desde fevereiro uma vez que o crescimento em novos negócios e no emprego diminuiu.

REUTERS

06 de janeiro de 2015 | 13h00

Segundo informou o Markit nesta terça-feira, a leitura final do Índice de Gerentes de Compras (PMI, na sigla em inglês) para o setor de serviços foi de 53,3 em dezembro, abaixo da leitura preliminar de 53,6 e do dado de novembro de 56,2.

Leituras acima de 50 pontos indicam expansão da atividade.

O novo subíndice de negócios caiu para 52,9, a menor leitura desde setembro de 2012 e abaixo de 55,8 em novembro.

(Por David Gaffen)

Tudo o que sabemos sobre:
MACROEUAPMISERVICOS*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.