Crescimento dos EUA no 2o tri é revisado para cima, a 1,3%

A economia dos Estados Unidos cresceu no segundo trimestre ligeiramente mais que o estimado anteriormente, ajudada pelo gasto do consumidor e pelo aumento das exportações, indicando uma expansão lenta, mas não uma recessão.

REUTERS

29 de setembro de 2011 | 09h42

O Produto Interno Bruto (PIB) dos EUA subiu a uma taxa anual de 1,3 por cento, informou o Departamento de Comércio nesta quinta-feira, na terceira estimativa para o trimestre, contra cálculo anterior de 1 por cento.

A revisão ficou um pouco acima das expectativas de economistas, que previam uma elevação para 1,2 por cento.

A economia se expandiu 0,4 por cento nos primeiros três meses do ano.

(Reportagem de Lucia Mutikani)

Tudo o que sabemos sobre:
MACROEUAPIB*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.