Crescimento versus estabilidade é falso dilema, diz Amaral

O ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio exterior, Sérgio Amaral, disse, nesta sexta-feira, durante palestra no 3º seminário sobre metas de inflação do BC, que há um falso dilema entre a existência de metas a serem perseguidas pelo banco e o baixo crescimento da atividade econômica.Assim como vários dos participantes do evento, Amaral defendeu que taxas maiores de crescimento com estabilidade de preços têm muito mais a ver com a qualidade do ajuste fiscal do que o controle de preços pela autoridade monetária."Neste sentido, temos um imperativo da reforma tributária que qualquer governo que vier pela frente terá de enfrentar", disse. Ele afirmou ainda que se sente pouco confortável para falar sobre metas de política monetária, mas arriscou que, se o Brasil não tivesse adotado o regime de metas e de câmbio flutuante, "provavelmente estaríamos em situação parecida com a da Argentina".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.