Crise brasileira ganha espaço na imprensa européia

A crise na economia brasileira vem, cada vez mais, ganhando espaço na imprensa européia. O jornal Financial Times destacou hoje que os mercados financeiros atingiram ontem baixas recordes com os temores da elevação da dívida e uma nova queda nas pesquisas de opinião do candidato do PSDB à Presidência da República, José Serra. Segundo o diário financeiro britânico, esse último movimento de venda de ativos brasileiros marca um forte declínio do sentimento dos investidores em relação ao Brasil, que "se vê num círculo vicioso de erosão de confiança e crescente endividamento".Já o jornal espanhol El Pais afirma que o Bovespa fechou ontem com perdas de 4,64% e a cotação do dólar superou os R$ 3, "com a frustração do mercado com a demora do governo em acertar um novo acordo com o Fundo Monetário Internacional". Segundo o diário, desde que a economia do país começou a sofrer dias turbulentos no início de junho, "todas as medidas adotadas até agora pelo governo, incluindo um empréstimo do próprio FMI, em junho, de US$ 10 bilhões, têm se mostrado ineficazes".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.