finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Crise global chegou a nova fase, diz diretor do BC

O chefe do Departamento de Normas do Sistema Financeiro do Banco Central (BC), Sérgio Odilon dos Anjos, afirmou hoje que a crise internacional entra em nova fase, pois há "risco concreto de reestruturação de dívidas soberanas". Ele não fez nenhuma menção específica a algum país europeu, mas muitas autoridades do governo, como o presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Luciano Coutinho, contam com um calote "ordenado" da Grécia.

RICARDO LEOPOLDO, Agencia Estado

19 de outubro de 2011 | 10h47

Para Sergio Odilon dos Anjos, os bancos brasileiros estão "mais confortáveis que seus pares internacionais" para se adequarem às regras de Basileia 3. Em palestra no primeiro Congresso Internacional de Gestão de Risco, realizado pela Febraban, ele destacou que o índice de capitalização das instituições financeiras de grande porte no País atingiu 16,4% em julho, bem acima do patamar requerido, que seria de 8%.

Segundo o chefe do departamento de normas do BC, deficiências na estrutura regulatória relativa a bancos nos países avançados colaborou de forma expressiva para que instituições do setor registrassem problemas graves em 2008, motivados por alguns fatores, entre eles capital de qualidade duvidosa.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.