Crise leva Bush a se encontrar com autoridades dos EUA

O presidente dos Estados Unidos,George W. Bush, planeja se encontrar na segunda-feira comautoridades financeiras norte-americanas, informou a CasaBranca, sobre a reunião que acontecerá no auge da crise nomercado de crédito do país. A Casa Branca anunciou neste sábado que o encontro terá aparticipação de membros do grupo de trabalho do presidente paramercados financeiros. O grupo é liderado pelo secretário do Tesouro dos EstadosUnidos, Henry Paulson, e também inclui o chairman do FederalReserve, Ben Bernanke. A reunião acontecerá em meio a uma crise no mercadoimobiliário dos Estados Unidos, que provocou turbulências nosetor de crédito e em todo o sistema financeironorte-americano. Na sexta-feira, o Bear Stearns, o quinto maior banco deinvestimentos, anunciou pedido ao JPMorgan Chase e ao FederalReserve de um financiamento emergencial, uma medida que envolvetambém o Tesouro. O presidente do grupo anunciou, na quinta-feira, um amploconjunto de recomendações que deverão endurecer as regras paracorretores de hipotecas, concessores de empréstimos e empresasde crédito, para tentar prevenir a repetição de problemas queatingem o mercado de crédito. No Congresso, democratas investem em uma legislação sob aqual o governo poderia desempenhar um papel mais importantepara ajudar a conter o crescimento da crise que ameaça inundaro sistema financeiro norte-americano. No entanto, a administração de Bush tem demonstrado faltade entusiasmo à qualquer proposta de ampliar o papel do governono assunto.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.