Cuba suspende importações de suínos de todo Brasil

O secretário de Defesa Agropecuária, Gabriel Alves Maciel, disse há pouco que o governo brasileiro foi comunicado do embargo de Cuba à carne suína produzida em todo o País. "Está proibido o comércio de carne suína e de subprodutos", disse ele.O embargo é reflexo da descoberta de um foco de febre aftosa no Mato Grosso do Sul. Segundo o secretário, técnicos do ministério farão plantão neste final de semana em Brasília para acompanhar as ações realizadas no município para conter o foco.Embargos começaram na terça-feiraOs embargos à carne brasileira começaram na terça-feira. A União Européia suspendeu as importações de carne bovina do Mato Grosso do Sul, Paraná e São Paulo. Israel e África do Sul suspenderam as compras de carne bovina de todo o País e a Inglaterra, apesar de integrar a UE, optou por uma posição independente e suspendeu as compras do produto apenas do Mato grosso do Sul e do Paraná.As suspensões incluíram também a Rússia e o Chile. Nestes países, a medida restringiu-se à carne bovina, suína e de frango do Mato Grosso do Sul. A produção dos demais Estados não sofreu qualquer embargo por parte destes países. Vale lembrar que a Rússia é o maior importador de carne brasileira.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.