Cultura interna deve ser avaliada

É essencial para as empresas saber organizar uma boa festa. Segundo a gerente de eventos da Accentiv, Clarissa Erbella, respeitar a cultura da companhia ajuda na decisão do que fazer. "Depois, vemos a verba disponível", diz.

O Estado de S.Paulo

24 de novembro de 2013 | 02h22

Outro fator importante, segundo Nathalie Gildin, da Safe Trip Brazil, é marcar a reunião para um horário próximo ao término do expediente e, de preferência, no último dia útil da semana. Ela recomenda a integração de todos os profissionais da empresa, independentemente do cargo. E adverte: nas gincanas, evite brincadeiras constrangedoras.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.