Cúpula econômica vai incluir membros do G-20, diz Casa Branca

Reunião para discutir a crise financeira mundial está marcada para o dia 15 de novembro, em Washington

Priscila Arone, da Agência Estado,

22 Outubro 2008 | 12h58

A Casa Branca vai incluir líderes do Grupo dos 20 (G-20, grupo de países emergentes) em sua reunião de cúpula do dia 15 de novembro sobre a crise financeira global, informou nesta quarta-feira, 22, um funcionário do governo norte-americano. O encontro, oficialmente chamado de Cúpula sobre Mercados Financeiros e a Economia Mundial, será realizado em local ainda a ser determinado em Washington.  Veja também:Íntegra da MP no Diário Oficial  Consultor responde a dúvidas sobre crise  Como o mundo reage à crise  Entenda a disparada do dólar e seus efeitosEspecialistas dão dicas de como agir no meio da crise A cronologia da crise financeira  Dicionário da crise  Segundo o funcionário da Casa Branca, a reunião, decidida na semana passada pelos países integrantes do Grupo dos Oito (G-8, o grupo dos sete países mais industrializados do mundo mais a Rússia), será a primeira de uma série de encontros.  As sessões do encontro serão usadas para a discussão das causas fundamentais da crise financeira, a revisão dos progressos que já foram conseguidos até o momento, o início do desenvolvimento de princípios de uma reforma para assegurar que outra crise desse tipo não aconteça e a criação de grupos de trabalho para desenvolver recomendações que serão estudadas em cúpulas futuras.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.