Cursinho na web 'estilo Netflix'

Foi depois de ser demitido de um cursinho pré-vestibular, onde dava aulas de Física no Rio, que o professor Marco Fisbhen criou o Descomplica. Inspirado nas videoaulas da Khan Academy, Fisbhen começou a gravar filmes de si mesmo dando aulas e publicou o material num blog comum. O então "Desconversa" virou "Descomplica", um site de cursos em vídeo para estudantes que se preparam para o vestibular. Desde o início, o professor ganha dinheiro. O aluno que quer ter acesso liberado ao site paga R$ 9,99 ao mês, no plano anual. Em 2013, a plataforma atraiu 3 milhões de estudantes, entre pagantes e não pagantes. O modelo 'estilo Netflix' atraiu investidores como Peter Thiel (fundador do PayPal). "Se o conteúdo tiver preço acessível e a proposta de valor for clara, as pessoas vão pagar", diz Fisbhen.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.