Renda extra

Fabrizio Gueratto: 8 maneiras de ganhar até R$ 4 mil por mês

Custo da cesta de compras sobe 0,28% no Rio

O custo da cesta de compras no município do Rio de Janeiro subiu 0,28% na terceira semana de janeiro. O dado foi divulgado pelo Instituto Fecomercio-RJ, que anunciou que o custo da cesta de compras passou de R$ 311,88 para R$ 312,76, da segunda semana para a terceira semana do mês. Na segunda semana, o custo da cesta havia registrado alta de 0,52% ante a semana anterior. De acordo com o instituto, as elevações de preços que mais influenciaram a alta no custo do indicador, nesta última análise, foram lingüiça (5,69%), maçã (5,30%) e açúcar refinado (4,0%). Em contrapartida, houve quedas de preços em tomate (-8,26%); ovo de galinha (-4,10%); e frango (-3,08%).Faixas de rendaNa análise por faixas de renda, o custo registrou elevação mais intensa entre as famílias que recebem acima de 30 salários (0,37%). As famílias com renda de até 2 mínimos, por sua vez, registraram o aumento de preços menos intenso no período (0,14%). Na análise mensal, o custo da cesta acumula elevação de 2,35%. Em 12 meses, até a terceira semana de janeiro, o preço do indicador subiu 2,69%. A pesquisa da Cesta de Compras abrange as variações de preços de 39 produtos com os maiores pesos no orçamento, consumidos por famílias de dez diferentes faixas de renda.

Agencia Estado,

27 de janeiro de 2006 | 12h57

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

  • O Pix é seguro? Veja dicas de especialistas sobre o sistema de pagamentos
  • 13º salário: quem tem direito, datas e como a pandemia pode afetar o cálculo
  • Renda básica: o que é, quais os objetivos e efeitos e onde é aplicada

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.