Custo da cesta de compras sobe na terceira semana de outubro

O custo da cesta de compras consumida pelas famílias do município do Rio de Janeiro subiu 0,20% na terceira semana de outubro, entre os dias 16 e 22 do mês, ante alta de 0,45% na semana imediatamente anterior, segundo pesquisa do Instituto Fecomércio. Com isso, o valor da cestas de compras foi para R$ 306,45 na terceira semana de outubro. Os produtos que mais subiram de preço na semana foram: queijo prato (4,15%) e maçã (4,02%). No período de 30 dias (entre 24 de setembro e 22 e outubro) o custo da cesta também sofreu elevação e aumentou 0,39%, superando a elevação de 0,19% no custo do período de 30 dias verificado na pesquisa da segunda semana de outubro. Os produtos que mais subiram de preço nesse período de 30 dias foram: banana prata (10,62%) e maçã (8,57%). Outros registraram queda de preço, nesse período de 30 dias, sendo as mais expressivas: cebola (26,28%), cenoura (23,11%) e tomate (17,52%). Em comunicado, o instituto esclarece que as fortes quedas de preços verificadas em produtos como a cenoura (10,02%) e a cebola (8,85%), na terceira semana de outubro, não foram suficientes para reverter a alta média no custo das cestas. "E a expectativa do instituto é que a cesta feche o mês com variação positiva", informou a organização. O custo da cesta de compras acumula alta média de 5,21% este ano e, em 12 meses, o custo da cesta apresentou alta de 5,58%. A pesquisa reflete as variações de preços dos 39 produtos que têm maior peso orçamento das famílias de dez diferentes faixas de renda no Município do Rio de Janeiro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.