Custo da mão de obra sobe 0,6% no trimestre nos EUA

O custo da mão de obra nos Estados Unidos aumentou 0,6% no primeiro trimestre deste ano, em comparação com o quarto trimestre de 2010, informou hoje o Departamento do Trabalho. O resultado foi levemente mais alto que o aumento de 0,5% previsto pelos economistas. Os salários subiram apenas 0,4%, mas os benefícios aumentaram 1,1%. Benefícios incluem prêmios por hora extra, bônus não ligados à produção, licença remunerada, seguros e aposentadoria. Esse foi o maior aumento trimestral nos benefícios em quase quatro anos.

DANIELLE CHAVES, Agencia Estado

29 de abril de 2011 | 10h05

Em relação ao primeiro trimestre do ano passado, o custo do emprego cresceu 2,0%, o mesmo avanço anual registrado no quarto trimestre de 2010. Nesta comparação, os custos dos benefícios também subiram mais que os dos salários: 3,0%. A compensação no setor privado subiu 0,5% no primeiro trimestre, o mesmo aumento registrado nos pagamentos para os trabalhadores de governos estaduais e locais. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
mão de obracustoEUA

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.