Custo global da construção subiu 0,78% em SP em julho

O custo global da construção residencial no Estado de São Paulo subiu 0,78% em julho, em comparação a junho, atingindo R$ 791,23 por metro quadrado, segundo pesquisa do Sindicato da Indústria da Construção Civil no Estado de São Paulo (Sinduscon-SP). Segundo avaliação do sindicato, apesar da deflação de vários materiais, ainda há um grupo expressivo com elevações superiores a 1% em julho. "No entanto, desde junho, tem-se observado uma desaceleração no ritmo de crescimento dos preços", ressalta. Segundo a pesquisa, em julho, os custos com materiais cresceram 0,51% em relação a junho e os custos com mão-de-obra subiram 1,02%. A variação acumulada em 12 meses dos custos dos materiais, de 18,42%, atingiu o maior patamar desde novembro de 1995.A pesquisa revela ainda que, em maio, o nível de emprego formal da construção civil brasileira permaneceu praticamente estagnado (variação de -0,01%). Com exceção de abril, a variação do emprego foi negativa em todos os meses de 2003, o que resultou numa taxa acumulada de -3,85% nos primeiros cinco meses contra igual período de 2002.

Agencia Estado,

11 de agosto de 2003 | 11h10

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.