CVM pede explicações à Vale sobre compra da Noranda

A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) vai pedir explicações à Companhia Vale do Rio Doce (CVRD) sobre as notícias de que a mineradora brasileira estaria negociando a compra de uma mineradora canadense chamada Noranda. A empresa canadense é uma das maiores do mundo com faturamento de US$ 4,7 bilhões em 2003, e ativos de US$ 11 bilhões. A CVRD informou, por meio de sua assessoria de imprensa, que não irá comentar os rumores de compra. Mas, segundo fontes ouvidas pela Agência Estado a negociação já estaria em estágio adiantado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.