Hard Rock Hotel
Hard Rock Hotel

CVM suspende registro de gestora responsável por hotéis Hard Rock no Brasil

Motivo é o descumprimento, há mais de um ano, da obrigação de prestar informações à autarquia; companhia informou que vai fechar capital

Bruno Villas Bôas, O Estado de S.Paulo

08 de junho de 2021 | 13h04
Atualizado 08 de junho de 2021 | 14h32

RIO - A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) informou nesta terça-feira, 8, em comunicado, que suspendeu o registro de companhia aberta da Venture Capital Participações e Investimentos (VCI), responsável por hotéis da marca Hard Rock no Brasil. 

O motivo da suspensão é o descumprimento, há mais de um ano, da obrigação de prestar informações à autarquia, conforme detalhou a Superintendência de Relações com Empresas (SEP) da CVM no comunicado. 

O site da VCI mostra que a companhia tem foco em desenvolver empreendimentos com marcas internacionais de hotelaria. Entre elas, está a marca Hard Rock Hotel. Um dos projetos é o Residence Club at the Hard Rock Hotel Fortaleza, atualmente em obras. Há projetos para a cidade de São Paulo, Natal e Recife.

A CVM ainda suspendeu nesta terça o registro de companhia aberta da Advanced Digital Health Medicina Preventiva. O motivo também é o descumprimento, há mais de um ano, de prestar informações à autarquia.

A área técnica da CVM alerta que, enquanto o registro estiver suspenso, as companhias não podem ter os valores mobiliários por elas emitidos admitidos à negociação, em mercados regulamentados, quais sejam: balcão organizado, bolsa ou balcão não organizado.

Segundo a CVM, a suspensão não exime as companhias, seus controladores e administradores da responsabilidade decorrente das eventuais infrações cometidas até o cancelamento do registro.

Companhia informa processo de fechamento de capital

Após o comunicado da CVM, a Venture Capital Participações e Investimentos divulgou nota informando que está em processo de fechamento de capital.

Segundo o diretor de Relação com Investidores da companhia, Bernardo Sperandio, as debêntures emitidas pela Venture Capital foram adquiridas, de forma integral e antecipada, em 16 de novembro passado, num total de R$ 47 milhões. “A companhia não possui mais dívidas públicas e iniciará, conforme anunciado anteriormente, o processo de fechamento de capital”, explicou, em nota.

A empresa informou ainda ter adquirido 90% de participação da HRH Ilha do Sol Empreendimentos, no Paraná, e que teve significativa reestruturação societária, o que exigirá revisar todos os demonstrativos financeiros de 2020.

“Em função desse procedimento, os registros contábeis auditados ainda não foram submetidos à CVM, processo que deve ser finalizado até o final de junho de 2021. Por uma decisão da companhia optou-se em não informar antecipadamente dados que poderiam ser revisados pelos auditores”, acrescentou.

A reportagem está tentando contato com a Advanced, que também teve o registro suspenso, ainda sem sucesso. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.