Renda extra

Fabrizio Gueratto: 8 maneiras de ganhar até R$ 4 mil por mês

Dados da semana devem mostrar força do consumo brasileiro

Os dados do varejo brasileiro a serem divulgados nesta semana devem mostrar que o consumo doméstico continua a crescer de maneira firme, ajudando a maior economia da América Latina a sair mais rapidamente da recessão.

WALTER BRANDIMARTE, REUTERS

09 de agosto de 2009 | 14h18

Por outro lado, o banco central do Chile deve anunciar novas medidas não convencionais para estimular a economia do país e combater uma tendência inflacionária incipiente.

As expectativas são de que as vendas do varejo brasileiro saltem 6,5 por cento na comparação anual e 1,2 por cento na mensal, após avanços em maio de 4,0 e 0,8 por cento respectivamente. Os dados serão divulgados na quinta-feira.

"Os números das vendas no varejo de junho são o principal dado desta semana. Com o governo e o banco central declarando claramente que a economia brasileira está se recuperando vigorosamente, graças à resistente demanda doméstica, as expectativas são altas sobre essa divulgação", avaliou em nota a RBC Capital Markets.

Na maior parte da América Latina, a inflação está se reduzindo ou tornando-se negativa. No Chile, uma queda mais acentuada que o esperado nos preços ao consumidor em julho pode forçar o banco central a adotar medidas heterodoxas para estimular a economia, tais como nova injeções de recursos ou intervenções no mercado de câmbio para enfraquecer o peso.

Tudo o que sabemos sobre:
MACROBRASILSEMANA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.