finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

DaimlerChrysler procura formas de reduzir perdas da Chrysler

A DaimlerChrysler está buscando formas de cortar os custos de produção no Grupo Chrysler frente ao aumento dos prejuízos do fabricante americano, informaram nesta sexta-feira os jornais The Detroit News e The Wall Street Journal.O The Detroit News assinalou que o Grupo Chrysler (composto pelas marcas Chrysler, Dodge e Jeep) anunciará na próxima semana um prejuízo de US$ 1,5 bilhão durante o terceiro trimestre do ano.Diante disto, a DaimlerChrysler designou equipes para buscar formas de reduzir em US$ 1 mil o custo de produção de cada veículo do Grupo Chrysler.As equipes foram formadas em julho para executar um plano de reestruturação, acrescentou o The Detroit News, sendo reforçadas com diretores vindos da Alemanha como o chefe de operações da Mercedes-Benz, Rainer Schmückle.O plano também inclui estabelecer relações a longo prazo com seus fornecedores para reduzir custos, assinalou o The Wall Street Journal.A alta dos preços da gasolina e a dependência do Grupo Chrysler em veículos grandes e de elevado consumo provocaram neste ano, a queda de 9% das vendas, o que permitiu à Toyota superar em vendas o terceiro fabricante americano em seu mercado doméstico.Segundo destacou recentemente o Deutsche Bank, o Grupo Chrysler perdeu US$ 4 bilhões nos últimos cinco anos depois que, em 1998, a Daimler-Benz se fundiu com a empresa americana.

Agencia Estado,

20 de outubro de 2006 | 15h52

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.