Danone consegue 90% da Frucor

A multinacional francesa de alimentos e bebidas Danone conquistou, na bolsa de valores da Nova Zelândia, adesão por 90% das ações da companhia local Frucor Beverages. A partir daí, a meta da Danone de controlar a companhia de bebidas neozelandesa consolida-se como possível.O porta-voz da companhia francesa confirmou que a empresa atingiu sua meta a partir de sua oferta condicional. Até quarta-feira, a aceitação dos acionistas era de 61,2%. Os demais 28,8% foram conquistados entre ontem e hoje. A oferta condicional da Danone, que expirou hoje, era de 2,35 dólares neozelandeses (US$ 2,86) por 100% das ações da Frucor.O desfecho do negócio surpreendeu os players do mercado, que não acreditavam na possibilidade de a francesa atingir a marca de 90%. Agora, a Danone pode adquirir compulsoriamente as ações da Frucor para assumir o controle total da fabricante de bebidas neozelandesa.Segundo o diretor-administrativo da Danone Asia, Simon Israel, a companhia vai tirar a Frucor da bolsa local assim que completar o processo de aquisição compulsória. A Danone Asia é uma unidade 100% controlada pelo Grupo Danone. "Acreditamos que essa conseqüência faz parte dos interesses prioritários dos que zelam pelo futuro da Frucor. Isso nos dará subsídios para concretizar as principais marcas da companhia em escala global", declarou Israel.A Frucor é a líder de mercado de bebidas energéticas tanto na Nova Zelândia como na Austrália, e é a principal companhia de sucos e refrigerantes do país. Seu energético, o "V", conseguiu abocanhar 60% do mercado energético.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.