Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

De olho no crédito, governo estuda novos cortes no IOF

Para injetar mais recursos na economia, a equipe econômica estuda cortar tributos, como uma nova rodada de reduções nas alíquotas do Imposto sobre Operações Financeiras (IOF). A equipe econômica avalia que há margem para novos cortes de IOF, caso seja necessário, mas, neste momento, devem continuar sendo pontuais. O governo está monitorando os setores econômicos e, caso identifique dificuldades de crédito, poderá promover novos cortes.?Não acho que o corte de impostos deva ser linear. Deve continuar sendo calibrado, caso a caso?, informou uma fonte do governo. Há cerca de duas semanas, o Ministério da Fazendo reduziu o IOF para as operações de financiamento de motos para pessoas físicas. O setor havia registrado uma queda forte nas vendas. Semanas antes, o governo reduziu o IOF para os investimentos estrangeiros. A equipe econômica avalia que uma redução mais ampla de impostos só será possível quando houver mais clareza sobre o cenário econômico em 2009. ?Para adotar essas medidas estruturais, temos de aguardar para ver como será o ritmo de crescimento econômico no ano que vem?, disse uma fonte da área econômica. Segundo ela, continua na gaveta a proposta de reestruturar as alíquotas do Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF), para reduzir a carga tributária para as classes mais baixas. ?Essa é uma medida forte. Por isso, também depende de termos essa clareza.? As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

AE, Agencia Estado

28 de novembro de 2008 | 08h48

Tudo o que sabemos sobre:
criseimpostos

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.