Debate apaixonado ajuda povo a entender BC, diz novo diretor

O novo diretor de Estudos Especiais do Banco Central, Eduardo Loyo, tomou posse hoje dizendo que debate apaixonado sobre os juros permite que a população entenda cada vez mais os diversos instrumentos usados pelo BC. "É animador tomar posse neste momento em que o BC vem colhendo resultados esplêndidos no trabalho de busca do equilíbrio macroeconômico do País", disse. "Os resultados alcançados estão acima do esperado em relação à condução da política monetária."Segundo o diretor, o projeto para a nova diretoria tem como objetivo de longo prazo o desenvolvimento institucional do BC. Ele destacou que buscará uma relação estreita com as demais diretorias do BC. Loyo informou que terá como consultor da diretoria, Gustavo Bussinger, que é funcionário do banco. Segundo o novo diretor, o BC do Brasil é hoje um dos principais centros de pesquisa macroeconômica do País e da América Latina.

Agencia Estado,

21 de agosto de 2003 | 16h15

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.