Decisão em SP não afeta greve em Brasília, diz sindicalista

O presidente do Sindicato dos Bancários de Brasília, Jacy Afonso de Melo, disse há pouco que a decisão do Tribunal Regional do Trabalho (TRT) de São Paulo de determinar a reabertura das agências bancárias fechadas em função da greve não deverá pôr fim ao movimento na capital paulista. "Os TRTs do Ceará e de Pernambuco já tomaram decisões semelhantes e a greve não foi suspensa em função disso", disse. O sindicalista acrescentou que a decisão da justiça paulista não afetará a greve em Brasília. "Não há a menor possibilidade de a greve acabar aqui (em Brasília). Vamos fazer hoje uma assembléia rápida de 15 minutos e continuar com a greve amanhã", disse. O TRT de São Paulo, além de determinar a reabertura das agências, estipulou uma multa diária de R$ 200 mil pelo descumprimento da decisão anunciada há pouco.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.