Decisão sobre planos ainda tem espaço para recurso

O secretário executivo do Ministério da Fazenda, Paulo Caffarelli, comentou nesta quinta-feira, 22, que a decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ) a favor dos poupadores no processo sobre a correção dos planos econômicos do começo da década de 90 ainda não significa que a questão esteja transitada e julgada. "Ainda há espaço para recurso e entendemos que essa decisão deve ocorrer no âmbito do Supremo Tribunal Federal (STF)", disse o secretário após participar da reunião da Camex.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.