Decreto sobre programação financeira é adiado

O governo adiou mais uma vez a divulgação do decreto sobre a programação financeira para este ano. O anúncio estava previsto para a última sexta-feira, foi marcado para hoje e adiado para amanhã. O motivo do adiamento, segundo assessores do Ministério do Planejamento, foi o atraso na conclusão do texto do decreto. O ministro Martus Tavares, que faria o anúncio na semana passada, em conjunto com os secretários-executivos dos Ministérios do Planejamento e Fazenda, não deverá participar da entrevista coletiva prevista para amanhã. Tavares está em Caracas, Venezuela, para uma palestra sobre o programa Avança Brasil, no seminário "A Experiência Atual do Brasil e dos Países Andinos no Planejamento do Desenvolvimento".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.