Déficit comercial dos EUA chega a US$ 63,80 bilhões

O déficit no comércio exterior de bens e serviços dos Estados Unidos aumentou 0,8% e chegou a US$ 63,80 bilhões em maio, quando o valor das importações e exportações atingiu níveis sem precedentes. A informação foi divulgada nesta quarta-feira pelo Departamento de Comércio, indicando que este crescimento reflete o desempenho da economia mundial. A maioria dos analistas tinha calculado que o déficit comercial alcançaria os US$ 64,70 bilhões.Ainda, segundo o Departamento de Comércio, o superávit do Brasil nas relações comerciais com os Estados Unidos caiu de US$ 619 milhões em abril a US$ 429 milhões em maio. O resultado acumulado dos cinco primeiros meses do ano foi de US$ 2,98 bilhões, contra US$ 3,8 bilhões do mesmo período do ano passado.No conjunto da América Latina e do Caribe, o superávit com os Estados Unidos aumentou 16,5% em maio, a US$ 9,97 bilhões. De janeiro a maio, o superávit latino-americano e caribenho chegou a US$ 45,75 bilhões, comparado aos US$ 38,58 bilhões dos primeiros cinco meses de 2005.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.