Déficit comercial japonês é de 754 bi de ienes em agosto

O Japão registrou um déficit comercial de 754,1 bilhões de ienes (US$ 9,62 bilhões) em agosto, comparado com o déficit de 777,5 bilhões no mesmo mês do ano anterior, segundo dados divulgados nesta quinta-feira pelo Ministério das Finanças. Economistas consultados pela Dow Jones, contudo, esperavam um déficit maior, de 797,9 bilhões de ienes. Este é o segundo mês seguido em que o país asiático tem déficit comercial - em julho, a perda foi de 518,9 bilhões de ienes.

AE, Agencia Estado

20 de setembro de 2012 | 09h40

"O tamanho do déficit foi dentro das expectativas, mas aumentou em relação ao mês anterior e sublinha a difícil conjuntura econômica no exterior", disse Junko Nishioka, economista-chefe do RBS Securities Japan. "Os dados pintam um quadro crescente de fracas exportações e importações. Está se tornando cada vez mais difícil esperar uma rápida mudança para essa tendência", afirmou a analista.

As exportações caíram 5,8% em agosto, em comparação com a queda de 6,2% prevista pelos economistas. As vendas para a China tiveram queda de 9,9%, e as exportações para a Europa recuaram 22,9%. Já as importações baixaram 5,4% em agosto, devido ao declínio na compra de petróleo e de metais não-ferrosos. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
Japãodéficit comercial

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.